Maratona Literária de Férias



O post de hoje é para compartilhar sobre um “evento” literário que está rolando nas redes sociais. Quatro bloggers/vloggers que tratam de assuntos ligados aos livros, criaram a “maratona literária de férias”. 

Antes que comecem as piadinhas, este evento não se trata de carregar livros ao correr ou qualquer coisa que misture esporte e livros, ok?



A maratona literária consiste em direcionar suas leituras em algumas perguntas-tema. O legal de participar é se desafiar e tentar encaixar mais este hábito em sua vida. Como não estou de férias combinei algumas categorias com os mesmos livros, assim eu consigo adaptar a meta na minha realidade. Meu critério para escolha da maioria dos livros, foi tirar aqueles que eu estava deixando juntar poeira na prateleira há um bom tempo. A maratona começa sábado e vai até dia 14 de Agosto. Abaixo você poderá ver as perguntas-tema e links de onde encontrar maiores informações.



Canais organizadores: Nuvem literária, Literature-se, Pronome Interrogativo e Dear Maidy.

Grupo do Facebook da Maratona: https://www.facebook.com/groups/MLdeFerias/

Post com mais informações: http://nuvemliteraria.com/2016/06/maratona-literaria-de-ferias-2016/

Wishlist de livros


Semana passada estava atualizando meu perfil do Skoob e adicionei mais alguns livrinhos na minha lista de desejos. O engraçado é que meu estilo de leitura está bem mesclado ultimamente.  Ano passado eu estava muito na "mood" de romances! Que bom que esta onda passou e estou lendo bastante coisa diferente. Vejam abaixo os meus escolhidos da vez e a sinopse de cada um.



1) Doutor Fausto - Colecao Thomas Mann


Narrada pelo seu amigo, o professor Zeiblom, esta é a história do músico Adrian Leverkuhn que, como o Fausto da lenda, vende a alma ao Demônio a fim de viver o suficiente para realizar sua grande obra. Publicado em 1947, este livro faz parte do período final da atividade criadora de Thomas Mann, sendo tecnicamente o seu romance mais ousado, no qual música e política, realidade e símbolo, afto e ficção combinam-se num grande panorama que, segundo Otto Maria Carpeaux, 'alcançou uma altura na qual nenhum dos seus contemporâneos foi capaz de acompanhá-lo.





2) Missoula

Missoula, em Montana, é uma típica cidade universitária americana. Para quem vê de fora, o local é algo idílico. No entanto, entre 2008 e 2012, o departamento de justiça americano investigou 350 acusações de agressão sexual na cidade, muitas perpetradas pelos jogadores do time local de futebol americano, idolatrados pela população. Neste livro assombroso, Jon Krakauer rompe o silêncio e mostra todo o drama que vivem essas mulheres. Numa investigação minuciosa, com ares de thriller jurídico, ele revela o tecido social e político que abafa esses casos. De forma corajosa, Krakauer questiona o sistema educacional e os caminhos legais que permitem essa epidemia de violência sexual.





3) O Casamento, de Nelson Rodrigues



A apenas um dia do casamento de Glorinha e Teófilo, o médico da noiva avisa ao pai dela que seu futuro genro foi flagrado em um incidente homossexual. Esse é o ponto de partida para Nelson Rodrigues desfilar sua genialidade irônica e o humor negro tão característicos de sua narrativa. Escrito por encomenda para Carlos Lacerda, “O casamento”, único romance de Nelson, foi publicado em 1966 e alcançou sucesso extraordinário em poucas semanas. O autor já se preparava para uma brilhante carreira nas livrarias quando foi tomado de surpresa pela notícia da morte de Mário Filho poucos dias após o lançamento do livro. Antes que pudesse se recuperar da perda de seu irmão, o romance foi proibido pelo ministro da Justiça do governo de Castello Branco, tendo sido considerado subversivo e indecoroso.





4) Os  Amantes



No Afeganistão, uma história de amor verdadeiro é, muitas vezes, uma história com um triste fim. Neste forte e emocionante livro, resultado de uma série de coberturas jornalísticas, o vencedor do prêmio Pulitzer Rod Nordland conta o drama de Ali e Zakia, um casal de castas islâmicas rivais que está disposto a arriscar tudo para ficar junto. Ele, um xiita, e ela, uma sunita, Ali e Zakia conheceram-se ainda pequenos, trabalhando em fazendas vizinhas. Naquela época, jamais imaginariam que seriam expulsos de suas próprias casas e obrigados a encontrar refúgio nas secas e hostis montanhas afegãs por conta de seu amor. Sem passaporte ou dinheiro, se veem à mercê da bondade de estranhos para encontrar abrigo por uma noite ou duas, retomando então a fuga de uma família que fará o imaginável para restaurar sua honra. Os amantes é uma história de perseverança, coragem e amor. Ali e Zakia desafiam bravamente as convenções culturais e normas sociais de um dos países mais controversos e conservadores do mundo.





5) Além - Mundos



Darcy Patel escreveu seu primeiro livro em um mês. Não muito tempo depois, se mudou para Nova York, para realizar o sonho de viver de escrever. Lizzie se prepara para mais uma viagem de avião, até terroristas invadirem o aeroporto e começarem a atirar em todos. Desesperada, Lizzie se joga no chão. “Eu estou morta, eu estou morta”... No fim, está tão convencida de pertencer ao lugar dos mortos que acaba atravessando a fronteira do além-mundo. Darcy criou Lizzie. A menina de Além-mundos é sua protagonista. Enquanto Lizzie se vê cada vez mais envolvida nos assuntos dos mortos e do submundo, Darcy luta para se manter no paraíso do YA, na Big Apple, e quanto mais Darcy aprende e amadurece, mais a história de Lizzie também cresce. Ou seria o contrário? Sempre atravessando as barreiras entre mundos, as duas irão se redescobrir, se reescrever e explorar os infinitos mundos dentro de si mesmas.

Exposição do Picasso



Instituto Tomie Ohtake está exibindo deste Maio uma exposição do artista espanhol Pablo Picasso, em São Paulo. A mostra "Picasso: mão erudita, olho selvagem" é composta por mais de 150 peças pertencentes ao acervo do Musée National Picasso-Paris, a maioria inédita no Brasil. Esta coleção do Musée National Picasso-Paris não tem equivalente em qualquer outro lugar do mundo, então esta é uma excelente oportunidade de conhecer as obras deste grande artista.

Além da variedade de obras, os ingressos da exposição podem ser comprados antecipadamente pelo site do Instituto, evitando assim aquelas filas gigantescas que estamos acostumados a ver nos grandes eventos culturais de São Paulo. A exposição inédita sobre as obras de Picasso ficará até o dia 14 de Agosto. Depois a exposição irá passar pelo Rio de Janeiro.

.





Serviço:
O que: Exposição "Picasso: mão erudita, olho selvagem"
Quando: Até 14 de agosto de 2016 (de terça-feira a domingo, das 11h às 20h)
Onde: Instituto Tomie Ohtake - Avenida Faria Lima, 201
Quanto: R$12 e R$6 (até 10 anos grátis); às terças grátis
compra de ingressos: www.institutotomieohtake.org.br ou na bilheteria do Instituto.
Mais informações: (11) 2245-1900 e www.institutotomieohtake.org.br

Bolos singulares de casamentos



Os bolos de casamento são um dos símbolos do matrimônio. Um dos momentos mais marcantes da festa é o corte do bolo, pois este ato simboliza a união, a fertilidade e a abundância. Sendo assim, vale a pena pensar com calma em cada detalhe, escolher a cor mais adequada, o recheio mais saboroso e o formato mais charmoso.

O bolo terá um lugar de destaque na festa e por isso deve estar de certa forma alinhado com o restante da decoração. Porém o importante mesmo é que além da beleza e sabor, o bolo deve ser uma forma de retratar a personalidade e gostos dos noivos. Por isto o post de hoje é para compartilhar com vocês estes bolos singulares que estão fazendo sucesso nos Estados Unidos.

E aí, você ousaria com algum destes bolos? 






Receitinhas de inverno - Fondue



Fonte: Google

Aproveitando que o clima está frio, hoje irei compartilhar com vocês duas receitas super práticas de fondue,  que mesmo quem não leva muito jeito na cozinha, vai conseguir fazer tranquilamente.
Eu encontrei as mesmas no aplicativo “Tudo gostoso” e alterei um ou outro detalhe de acordo com minha preferência.

As receitas são deliciosas e você pode fazer para curtir com seu namorado, amigos, etc e sem ter de gastar uma fortuna nos restaurantes especializados.

Vamos lá:


Fondue de Carne ao vinho:



- 600 gramas de filé mignon (ou outra carne de sua preferência ; cerca de 300 gramas por pessoa)
- alho

- cebola

- azeite
- vinho tinto seco

- meio cubo de caldo de carne


1 – Tempere a carne somente com sal e reserve
2 - Em uma panela, coloque o azeite, a cebola e o alho e deixe dourar. 
3 – Coloque meia garrafa do vinho na panela com a metade do caldo de carne.

4 – Assim que o liquido ferver, desligue o fogão e transfira o seu conteúdo para a sua panela de servir fondue.


Eu servi o fondue de carne com pão italiano cortado em rodelas grossas, porém você pode acrescentar também alguns potinhos de molhos para passar a sua carne depois que ela estiver cozida.

 
Fonte: Google

Fondue de Chocolate:



- 400 gramas de chocolate (de preferência metade ao leite e metade amargo)
- 1 caixinha de creme de leite
- 2 shots de conhaque (ou licor de amarula)
- frutas



1 -Derreta o chocolate no microondas por cerca de 40 segundos. Mexa o chocolate e coloque por mais 40 segundos (o tempo pode variar um pouco devido a potência do seu aparelho).
2 – Coloque o chocolate derretido com o creme de leite e o conhaque em uma panela e mexa. Quando estiver homogêneo pode desligar o fogo e colocar a mistura na sua panelinha de fondue.


Frutas recomendadas: banana, morango, kiwi, uva sem sementes.

Café da manhã com vista e cultura



No último feriadão em Maio, viajei para o Rio de Janeiro. Por sugestão de minha cunhada, fomos tomar café no forte de Copacabana, na unidade da Confeitaria Colombo que fica por lá.

A vista de lá é maravilhosa! Vale demais a visita, mesmo pagando um preço salgado para um café da manhã (não é um buffet que come "à vontade"). Avisada por uma amiga, pedimos um "café da manhã individual" e dividimos por dois. Ele realmente consegue satisfazer um casal e custa R$ 45,00.

Além da Colombo, tem também o Café 18. Não sei quanto a qualidade da comida, mas posso afirmar que vista é a mesma e com certeza deve ser um pouco mais barato do que o seu concorrente.



 O forte abre às 10 da manhã, porém se você quer sentar com a melhor vista, que é nas muretas, recomendo chegar ao local as 9:30 da manhã, quando se forma uma fila na porta do local. Chegamos 9:50 e quando conseguimos entrar, só conseguimos mesa do lado de dentro da confeitaria (a lista de espera para o lado externo era cerca de 1 hora). Mas posso dizer que mesmo sentando do lado de dentro, valeu muito a pena, pois depois que comemos ficamos passeando pelo forte.



Para entrar no forte, paga-se uma taxa de R$ 6,00 (meia: R$ 3,00). Além dos cafés, é possível passear pelo forte, que possui uma exposição permanente, que conta a história do Brasil com documentos e objetos ligados à história dos militares. 

Vale a pena visitar esta construção histórica e inovadora, pois ela possui todas as instalações necessárias para que os militares pudessem permanecer lá por um bom tempo sem depender de ajuda externa, o que o torna um projeto único na América do Sul. A Fortificação possui canhões, mapas, móveis e diversos objetos que nos fazem viajar no tempo. É um passeio bem interessante, cultural, com uma vista maravilhosa e que me surpreendeu. Com certeza voltarei lá novamente.




Endereço: Praça Cel Eugênio Franco nº1 Posto 6 Copacabana-RJhttp://www.confeitariacolombo.com.br/
http://cafe18doforte.com/
http://www.fortedecopacabana.com/ 

Dicas aleatórias de Santiago



Casei em Novembro do ano passado e uma das viagens de Lua de Mel foi para Santiago, no Chile. O post de hoje é para resumir algumas dicas aleatórias da cidade que julgamos ser importante compartilhar.

Hospedagem: Pesquisamos diversos bairros e o que nos agradou mais foi o Providência. Ficamos no hotel Presidente, bem próximo a estação de metrô Salvador. Neste mesmo bairro tem diversas opções boas e em conta, como o hotel IBIS.Na época fechamos nosso hotel pelo site Decolar e pagamos cerca de 200 reais a diária. O hotel é ótimo, bem localizado. O único defeito é que ele não tem frigobar.



Castelo Wulff - Vina del Mar

Transfer aeroporto para hotel - Ficamos hospedados no bairro Providência por indicação de alguns conhecidos. O preço do trecho de taxi de lá para o aeroporto custa cerca de 18.000 pesos chilenos. Fizemos este trajeto de táxi apenas na volta devido ao horário. A ida do aeroporto para o hotel, pegamos um ônibus (super comum) e de lá descemos na estação Parajitos e pegamos um metrô. Não lembro ao certo quanto gastamos, mas foi abaixo de 5 mil pesos na época.

Transporte: Metrô, táxi e transporte no geral é bem barato no chile e super eficiente. Gostamos muito. 

Empresa para fazer passeios com um preço legal - Mitur. O stand deles fica dentro do Mercado Central. Fiz um passeio com eles e gostei bastante. Pessoalmente conseguimos negociar o preço e ganhamos um bom desconto comparado com as outras agências. De todas, a mais cara (e famosa) é a Touristik.


Locais turísticos que não podem faltar em sua visita:


Cerro Santa Lucia

1- Em Santiago: 

- Cerro Santa Lucia: prepare o folego para subir escadas! A vista é bem bonita e lá no topo você pode tomar uma bebida típica da cidade, o "Mote con huesillos" (É feita de pêssego (huesillos) e mote, um grão de trigo, todos cozidos juntos em água e açúcar. Bebe-se bem gelado e o ideal é comer tudo depois com uma colherzinha).

- Palacio de La Moneda (reserve a sua visita online AQUI)

- Mercado Central: muitas agências ficam lá. Se quiser comer as famosas "centollas" lá é o local. o único incoviniente é que os garçons e vendedores ficam te  chamando o tempo todo (para quem é de Salvador, é tipo o assédio de lojistas e guias do Pelourinho).

- Palacio das Armas, Cadetral Metropolitana (super linda), Museu Histórico Nacional, Correio Central são boas pedidas pra quem gosta de história e ficam bem pertinho um do outro (na mesma praça).

El Reloj - Viña Del Mar

- Cerro San Cristóbal: dispense a visita ao "batido" e MEGA caro restaurante "El Giratório" e vá ao Cerro San Cristóbal. Suba no furnicular e veja uma das vistas mais lindas da cidade. Tem uma capela super bonita no topo. Valeu muito mesmo a visita... um dos luagres que mais gostei.

- Museu de Belas Artes

- Vinícolas: Não deixe de ir! Fui apenas na Concha y Toro. Fomos com uma agência, mas sai mais barato ir de táxi ou ônibus. Falam super bem da Santa Rita. Se você gosta de vinhos, vale a pena pesquisar e fazer visitas a mais de uma vinícola. A Concha y Toro é bem "comercial", porém vale a pena ir lá, pois eles tem uma boa estrutura. Compramos vários vinhos com preços bem mais em conta do que o Brasil.




 - Não deixe de ir tomar um sorvete na "Bravíssimos". É delicioso! Bem famoso e tem por vários cantos de Santiago. Acho que fomos lá umas 3x. rs


2 - Vina Del Mar e Valparaiso: Vale apenas um dia inteiro para conhecer estas duas cidades que são "grudadas". Fomos sozinhos de ônibus, que é super tranquilo e confortável, porém minha dica é que se possível, prefira ir através de alguma agência, pois Valparaíso é bem perigosa.  Em Vinã, fomos no cassino, na praia (água ultra gelada), no relógio das flores, no Castelo Wulff. Almoçamos por lá e demos uma passeada pela cidade, que é bem bonitinha. Depois fomos de ônibus comum para Valparaíso e mal ficamos lá, pois a cidade é tensa. Detestamos. 

Vale ressaltar que a comida em Santigago é bem cara e facilmente vai embora R$ 200,00 em qualquer refeição mesmo não sendo em um local "grifado". Recomendo também uma visita ao Pátio Bela Vista - lá tem restaurantes bem legais.

Por fim, vale a pena a leitura no blog "Nós no Chile", de uma brasileira que mora lá há um tempinho. Ele pode te render boas dicas, principalmente de restaurantes fora do circuito turístico http://nosnochile.com.br/