Dica de filme: Amor e outras drogas.

“Ás vezes as coisas que você mais quer não acontecem. E às vezes as coisas que você jamais esperaria... acontecem. (...) Eu não sei. Você encontra milhares de pessoas e nenhuma delas te toca realmente. E então você encontra uma pessoa e sua vida muda... para sempre."


Desde quando li a primeira notinha em uma revista a respeito do filme “Amor e outras drogas” já fiquei com vontade ir assisti-lo. Adoro histórias românticas, ainda mais quando elas trazem alguma pitadinha especial no roteiro. O filme que tem como atores principais Jake Gyllenhaal e Anne Hathaway, conta a história/drama da personagem Maggie que é uma garota de 26 anos que sofre de Síndrome de Parkinson e do divertidíssimo e apaixonante Jamie Randall, um vendedor fracassado que resolve entrar para o ramo de medicamentos. (Preciso frisar que ele está um charme nas cenas em que aparece todo embecadinho de terno e óculos quadrados...lindo).




A história tem como pano de fundo o trabalho como representante de medicamentos do Jamie no laboratório da Pfizer. O mesmo inicia suas atividades vendendo um remédio concorrente do Prozac, porém sem muito sucesso. Apesar de ele utilizar de todo o seu charme, corpo e lábia para aumentar suas vendas e não ser demitido, sua sorte só muda quando ele se torna responsável pela conta da “mágica” pílula azul, o Viagra – o que rende ao filme cenas hilárias!
Apesar de ter várias cenas calientes (leia-se sexo) e de nudez, o filme  traz uma mensagem muito bonita e leve  do que é o amor e das barreiras que ele pode enfrentar, quando  se é verdadeiro. Esta “comédia romântica” é super interessante, pois ela não força a barra de um amor hollywoodiano idealizado, nem soluções mágicas para os problemas que poderemos um dia enfrentar.


O filme é bastante realista e divertido, e que nos vai conquistando com as ótimas cenas, nas quais os dois atores vão se enlaçando aos poucos e desenvolvendo diálogos singulares, como o trecho que inicia este post. Por fim, um relacionamento de sexo casual e intenso, se desdobra em uma história de muito amor com pitadas de drama e humor.




Com certeza este filme é uma ótima opção de entretenimento para o seu final de semana, principalmente se a sessão for regada à pipocas e é claro, uma boa Cia (como foi a minha rs).

4 comentários:

Mari disse...

eu ia assistir, mas aí uma amiga me falou que não é bom...desisti..rsr


bjs

coisasdemariemary.blogspot.com

Aninha Jesus disse...

Eu também gostei!
E olhe que a minha companhia foi uma amiga..diferente de você! rs

Inclusive: o último comentário é a melhor parte do seu post! =DDD

Patricia disse...

Gostei da indicação.
Vou assitir!
bjs,
Patrícia Muñoz
Consultora Independente Mary Kay
Tel: (71) 8878-8316 (oi) / 8296-3165 (tim)
www.marykay.com.br
Blog: http://fashionroomsalvador.blogspot.com/p/contatos-mary-kay.html

conversademenina disse...

Li várias críticas bacanas sobre o filme e o seu post é um incentivo a mais pra ir ver. Bjos